Enfermaria

Página 5 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ir em baixo

Enfermaria

Mensagem por Elena Mallaby em Qua Mar 09, 2011 10:23 am

Relembrando a primeira mensagem :

Esta é a enfermaria da Morada da Noite.
Desde pequenos ferimentos até àqueles que necessitam da ajuda de sacerdotes, este é o local ideal para o tratamento das enfermidades de todos que freqüentam esta morada.

avatar
Elena Mallaby

Mensagens : 931
Data de inscrição : 25/02/2011

Ficha do Personagem
Vida:
300/300  (300/300)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: ☽●☾

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Enfermaria

Mensagem por Victória Redbird em Seg Dez 05, 2011 12:12 pm

Em instantes aquela escuridão apagou-se e meu espírito pode sair daquela dimensão em qual estávamos. Meu espírito junto com aquele pássaro criado por Wade saíram por fim. Meu espírito entrou no meu corpo que estava caído encostado em algum canto. Abri os olhos e mal conseguia me mexer.

A afinidade com o espírito me permitia deixar meu corpo por algum tempo, mas eu o utilizei demasiado para acabar com aquela escuridão. E algo estranho estava acontecendo, havia um
campo de energia sendo formado. Eu não o enxergava, mas o sentia. Com alguma dificuldade, levantei-me e vi o outro vampiro Wade, troquei um rápido olhar com ele. Aquilo tudo já estava passando dos limites.

Eu fechei os olhos para me concentrar e a imagem de Elena surgiu na minha mente. Ela tinha algo a ver com aquilo ali, eu só não sabia ainda o que. Outra imagem apareceu na minha mente, Melanie Wodson. Eu olhei os garotos e ainda que quisesse e pudesse impedi-los, eu não o fiz. Havia algo maior a ser feito, e eu não resistiria. Eu tinha consciência do meu poder, da minha força e da minha idade. Havia prioridades. E uma sacerdotisa sabia muito bem quando os sacrifícios eram necessários; e ainda, quando se devia abdicar dos interesses pessoais em prol de algo maior.....Me apoiei na parede e sai da enfermaria. Que a Grande Mãe intervisse ali, mas eu tinha que sair.
Encerrado

_________________
Ex-Sacerdotisa . Espírito
avatar
Victória Redbird

Mensagens : 289
Data de inscrição : 26/03/2011

Ficha do Personagem
Vida:
0/100  (0/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: ☽●☾

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Narrador em Ter Dez 06, 2011 1:20 pm

Todos voltaram a enfermaria,o garoto Richard agradecia aos elementos,enquanto o espírito voltava ao corpo inconsciente da sacerdotisa,ainda acompanhada do professor Wade.

Ela tinha um dever a cumprir,e aprendera que existiam coisas prioritárias,nem sempre se podia agradar e salvar a todos.Com o corpo e a mente fracos e cansados pelos últimos acontecimentos a mulher sai do local,terminar seus deveres para com a morada e para com a deusa.

Samuel guardava para si mistérios que nem todos ali tinham conhecimento.Wade havia amarrado os garotos com algemas metálicas às macas,acreditando assim que evitaria maiores confusões por ali,porém com poderes do que um dia fora um híbrido o garoto cria uma espécie de ilusão.Os presentes na sala acreditavam que o corpo do rapaz estava preso à maca,porém ele estava na janela.

Pilares surgiram em torno do rapaz de de seu oponente Richard.Podia-se sentir uma energia desagradável surgindo por ali,mas não havia nada que a sacerdotisa pudesse fazer naquele momento.

Usando seus dons dados pela deusa Samuel transportou-se junto com o outro garoto,os dois corpos sumiram no ar,mergulhando a enfermaria em mistério e preocupação com o que aconteceria a seguir.


Ordem das postagens
Próximo player a postar:-Richard Freaks-encerrando seu post
-Wade
-John Wesker


_________________
avatar
Narrador
Moderador
Moderador

Mensagens : 145
Data de inscrição : 14/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Lyra Duchamps em Qui Dez 08, 2011 10:56 am

Because everything is fading, fading memories»
Enfermaria. Dãã



O post ficou o lixo devido as vezes que estava o fazendo e não salvei.
Lyra passou gentilmente o braço em torno das costas do garoto, o mesmo fez os longos fios prateados da moça, se agarrado levemente ao tórax do rapaz, o tornando mais leve para ambas as meninas, Lyra provavelmente teria um pouco de dor de cabeça depois, mais a vida do velho conhecido era mais importante que qualquer dor de cabeça que seria rapidamente esquecida por um remédio qualquer.
Lentamente a Castanha retomou os sentidos, Noah estava sem camisa, o que seria um pouco constrangedor. Já que sua blusa se encontrava encharcada pelo liquido vermelho do rapaz, provavelmente deixada pra trás, foi impossível Lyra não ter o rosto tomado pelo vermelho. O ar estava tão pesado que era difícil de respirar. Maldição! Onde estava seu autocontrole? Ela estava sozinha por muito tempo, não tinha tempo para pensar nessas coisas, mas isso não justificava esse ataque de vergonha! Mas que estupidez!
Lyra sentiu a pesada onda de frustração que seu interior emanava, era ridículo realmente pensar em si mesma como a menina que nunca havia beijado ninguém, mas porque diabos estava pensado naquilo?
De qualquer forma era bem bizarro pensar realmente em Noah como um homem, como uma luz que se acendesse no fundo da mente, Lyra soube realmente que não era exatamente por Noah. Afinal era estranho o suficiente pensar realmente em Noah, uma confusão se formava no seu interior, como sempre.
Estava ciente das gotas de sangue rolando pelo rosto do garoto, descendo pelo pescoço, realmente se não fosse sangue ele poderia parecer, bem, sexy. A Castanha fungou escondendo as lágrimas que começavam a querer escapar, obviamente ele não veria isso, mas era um tanto vergonhoso chorar por alguém quem a odiava, era estranho no mínimo.
Lyra fechou os olhos e tentou respirar fundo. Ela estava ficando sem ar e a cabeça começava a latejar lentamente, esse era o resultado de um esforço, ainda que o garoto não fosse gordo.


Lyra entrou pela primeira vez no espaçoso, que chamam de enfermaria. Não pôde evitar de ficar surpresa diante da sala, não, não era algum tipo de louca obcecada por salas brancas. Mas sim, gostava do cheiro de hospitais e enfermarias, era um lugar onde passara uma parte das lembranças do orfanato, sempre caindo e se machucando. Mas agora estava lá por Noah, o garoto idiota que se machucará, tentando pescar, parecia um jeito bem inútil de morrer.
A cor desapareceu do rosto da menina lentamente, e se ele morresse? Ela não conseguia imaginar o garoto realmente morto...


avatar
Lyra Duchamps
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 11
Data de inscrição : 30/11/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Isabelle Carter em Qui Dez 08, 2011 11:46 am

Morada da Noite

Enfermaria

Observei novamente os fios de cabelo da garota tomarem vida,parecendo nos ajudar a sustentar o peso do garoto.
O cheiro de sangue era forte,ele havia feito um corte bastante grande pela quantidade de fluido que saía.
Ouço a garota respirar fundo,estávamos quase chegando à enfermaria,talvez ela estivesse apenas cansada pelos seus poderes,difícil dizer.
Uma enfermeira aproxima-se rapidamente ao perceber Noah,o lugar tinha um clima estranho e pesado,não muito agradável.Com cuidado e com a ajuda da Lyra coloquei-o na maca que a mulher indicava,percebendo que as roupas dele haviam ficado no lago,ele ainda estava molhado.
"Até que ele é bonitinho" penso,balançando levemente a cabeça,afastando o pensamento.
Desviei o olhar,sentando-me em uma cadeira por ali,sentindo o cheiro de álcool,vendo a enfemeira cobrir o garoto com uma coberta pesada,enquanto limpava o machucado e o excesso de sangue,pegando o material para sutura.
Olhei distraída para meus tênis,ouvindo a mulher perguntar o que havia acontecido.Contei um breve resumo da história,sentindo-me um tanto intrigada quanto a história de Noah e de Lyra.





Isabelle Carter falou x palavras com Noah Gandalfr e Lyra Duchamps, em uma escola de vampiros de Tulsa, vestindo isso ouvindo Agridoce-Dançando, e agradece a Barbie pelo template.

_________________
Isabelle Carter Wodson

"It's a shame,I'm a Dream" ♥️ Vamp ♥️ Seventeen

credits @
avatar
Isabelle Carter
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 669
Data de inscrição : 28/03/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Richard G. Freaks em Sex Dez 09, 2011 7:18 pm

Rick sentiu em seu olho mais uma vez a sensação de formigamento, quando Wade fez com que o passáro se tornasse uma algema, sem muito alarme, estava começando a se acustumar àquilo. Richard teve um choque de reconhecimento ao ouvir o nome dele.
"Wade...Collin...Black ! Oh minha Deusa ! Não consigo acreditar que tô falando com ele em pessoa. Ele parece ainda mais jovem que na foto.", pensou Rich, lembrando de quando, há muito tempo, tinha lido sobre a fundação da House of Night de Tulsa. Wade foi o vampiro que apelou ao Conselho Vampiro para haver a criação da morada de Tulsa. Rick havia pesquisado tudo sobre ele. Se Rich ainda acreditasse em herois, Wade seria um deles. E agora ali estava ele, em carne e osso. Rich respirou fortemente e pegou o cartão que Wade lhe estendeu.
- Seria um prazer vê-lo novamente, sr.Black. - falou ele cheio de admiração.
- Elena Mallaby. - disse a voz de Thief, ou melhor a sua voz, mas um pouco robotizada, em sua cabeça.
Imediatamente Rich pensou em como e onde estaria Elena, mas sentiu que Thief dirigia seus pensamentos para a habilidade de Elena. Sem enteder muito do que Thief queria dizer ele começou a se concentrar nele, mas quando se sentiu usando o dom, foi pego de surpresa olhando para o que parecia um tipo de ilusão, toda a sala parecia tremular sob seu olhar. E então na janela estava Samuel, ou o que parecia um imagem dele por trás de um tipo de manto tremulante de ilusão. Rick respirou fundo e deixou de pensar na habilidade de Elena, se concentrando na umbracinese de Samuel, fazendo em volta de si e de Wade que estava bem próximo uma veloz agitação, tentando imitar a movimentação que sentiu nos túneis. Mas antes de conseguir, sentiu a que a energia de Samuel invadia seu espaço, se movimentando como tinha visto. ele pôde ouvir Sam lançando aquele feitiço que tentara anteriormente nos túneis e rapidamente puxou Wade para perto de si, sendo empedido pelo fogo, mas incluindo-o na movimentação da energia negra mesmo assim a qual sentia mais uma vez, de modo a transportá-los para onde quer que Samuel os levasse, mesmo sendo mais dificil pela ausencia de toque. Rich se concentrou profundamente nessa tarefa. Então sentiu-se diferente, rapidamente abriu seus olhos, estava mais uma vez em sua mente. Thief estava novamente a sua frente, mais dessa vez estava diferente, não podia exlicar como diferente , simplesmente sentia que estava.
- O que aconteceu ? - disse Rick.
- Eu lhe chamei aqui. Pois estou mais forte e por isso tinha de lhe pedir para desfazer a centralização no olho esquerdo. Se iniciar outro processo deste modo, haverão consequências.
- Uhum, entendo. Obrigado pela dica.
- De nada. Agora é melhor voltar, volte a se concentrar, que eu te mandarei de volta.
Rich voltou a se concentrar, vendo de relance que Thief imediatamente relaxou. Logo se viu de volta a Enfermaria, então não viu mais nada, apenas sentiu. Continuou a se concentrar, levando Wade pelo mesmo caminho que sentia seguir. Haviam se teleportado.

(Encerrado)

_________________

What if the fireworks explode, the eternal feast of death begins.
Wake Anadlu Sarff, it's time for song of the sword, the song of death.
avatar
Richard G. Freaks
Professores
Professores

Mensagens : 227
Data de inscrição : 07/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: ☽●☾

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Convidad em Sex Dez 09, 2011 7:18 pm

Wade podia sentir a admiração na voz do garoto, talvez ele tivesse lido algo sobre ele. Ele pareceu ficar tenso derrepente, parecendo se concentrar profundamente. Victória tinha ido há alguns segundos quando ele ouviu o outro garoto lançar um feitiço que envolveu Richard e o outro garoto. Collin sentiu como se uma coisa estranha o envolvesse, mas antes que pudesse lutar, sentiu que ela vinha de Rich. Sem perder tempo, chamou para si as duas algemas, a que estava com o garoto chão que parecia um pouco mais acordado e a que estava na maca. então, sentiu aproximação do passáro que tinha ido chamara os Filhos de Érebus, que logo pousou em seu ombro, sendo também envolvido pela energia, as algemas se uniram em seu pulso, se tornando um um relógio, pesado de metal, ele usou o que sobrou da cama para fazer uma barreira contra as chamas e logo se aproximou do garoto, o que lhe pareceu deixar o feito mais fácil. Wade se concentrou naquela energia, permitindo que seu corpo fosse levado por ela, facilitando seu trabalho. Então, subitamente não estava mais na enfermaria, ainda podia ver Richard e o outro garoto.
Encerrado

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Radamanthys em Dom Dez 11, 2011 12:16 pm

Em fim chega a enfermaria, Radamanthys apoia sua espada com a ponta no chão e espera o seu primeiro inimigo que era Anthony, Radamanthys começa a caminhar até o quarto de Noah mais ninguém aparecia, Radamanthys estia a sua espada para frente e grita:
- Venha Anthony -
Radamanthys vê que ninguém se apresenta para ser seu antagonista, continua a caminhar pela enfermaria. Seus olhos latejavam de raiva, em seus pensamentos estavam o quanto o garoto queria matar o sangue de seus contras na sua mão.
Radamanthys sabia que aquilo não seria fácil mais ele queria fazer os garotos sofrerem. Sua alma queimava em raiva, seus pensamentos fervilhavam em pesadelos curtos e assustadores, mordendo seus lábios até sangrar fazia o garoto ter muito mais raiva, seus paços pesavam em seu estado físico, sabendo que o Noah estava lesionado não poderia se defender ou ajudar seu amigo que interferiria no embate.
Sua espada tinha quase o seu próprio tamanho, ela tinha quase o dobro de seu peso, mais Radamanthys já era acostumado com o peso da espada, ela aparentava uma pena na mão de Radamanthys, um pentagrama se forma nas duas mãos de Radamanthys como se fossem queimaduras, sua habilidade estava ativada como se fosse automática mais elas haviam sidos ativadas pela raiva do prodígio que quase sem folego queria muito encontrar os dois indivíduos.
avatar
Radamanthys
Anjos
Anjos

Mensagens : 56
Data de inscrição : 19/08/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Quarto-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Convidad em Dom Dez 11, 2011 1:45 pm



( Tensa Zαηgєŧsu ) e my Sword, my Soul and my Mask
missionaries in a foreign field.



Assim como Prometeu teve suas correntes quebradas por Heracles, o jovem Wesker teria suas algemas partidas por Zangetsu que avançaria em forma de espada. O garoto se levanta e se consentra para sentir o poder espiritual dos seres a sua volta. Porém, o mesmo fica encantado ao sentir a energia de um anjo na proximidade. Sua energia era intrigante e ao mesmo tempo um livro aberto. Era agradável... Não resistindo a sua curiosidade, John, ainda na 1º etapa liberada, se aproxima do local onde o anjo estava. Era tremendamente agradável. Ele parecia liberar uma energia que dava vontade de chegar mais perto, porem, John se conteve ao ver que o mesmo estava à espera de um oponente. Conforme o anjo andava, a sua energia parecia ficar mais e mais sombria. Ele estava afundado em um ódio muito grande, porem, não sabendo tal motivo, John continua escondido a espera do que iria acontecer la. A arma do garoto era muito semelhante a Zangetsu (em tamanho), mas assim como a maioria das espadas que carregam a vontade de seus portadores, aquela espada emitia raiva.






Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Zooey Jett em Dom Dez 11, 2011 1:51 pm



Zooey caminhava pela morada procurando Radamathys, quando o avistou , ao longe furioso, já sabia o que estava fervilhando em sua cabeça, assim o seguiu até a enfermaria:
- Rad, o que você vai fazer ? Eu só iria ajudá-lo, não vai feri-lo, ele nem consciente está! - Assim Zooey se impõem a Radamanthys.
Ela nunca faria nada que magoá-se o anjo, e ele iria resolver dessa forma ?
- Radamanthys, eu te amo, é assim que você agirá para criar sua legião ? Por favor acredite em mim, só iria ajudá-lo! Você está com ciúmes tudo bem, mas pelo menos pense! Isso é ridículo! -
Não era por Noah que ela faria aquilo mas sim por uma vida tirada injustamente e covardemente, e ainda, por sua culpa, ela não deixaria Radamanthys seguir em frente sem tentar impedí-lo.
avatar
Zooey Jett
Anjos
Anjos

Mensagens : 174
Data de inscrição : 23/08/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Quarto-Formado

Ver perfil do usuário http://camp-half-bloodpj.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Radamanthys em Dom Dez 11, 2011 9:58 pm

O garoto abaixava sua espada com calma, a suave vós da jovem o acalmava, seus olhos se fechavam em frente à ela, seus dentes perdiam a pressão um nos outros e sua raiva sumia aos poucos. O garoto abre sua mão fazendo com que a espada caísse ao chão, o estrondo provocado pela enorme e pesada espada faz com que o prodígio acordasse de um pesadelo de raiva que o destruía por dentro.

-Sou um anjo, o que penso que estou fazendo-

Radamanthys deixa escorregar uma lágrima de seus olhos até seus lábios, com a cabeça baixa ele abraça a jovem garota que impediu-o de cometer o pior erro de sua vida. Muito grato o garoto fala baixinho no ouvido da jovem que à ama e que agradece por ela ter aparecido na hora certa. Ele a beija com o rosto quente por causa da raiva e o choro que acabara de acontecer.
Ele para de beija-la e abraça a jovem novamente, um forte abraço faz com que ele pensasse na situação e briga que acabou de provocar. O garoto sai dos braços da jovem e se dirige ao quarto de Noah, o rapaz que se encontrava em cima de uma maca estava lesionado por uma fratura na cabeça, chegava cada vez mais perto do jovem e quando a alguns metros Radamanthys se ajoelha sobre o chão e encosta a cabeça nas mão que estavam abertas no solo.

-Desculpa pela incompreensão que tive de você Noah?-

E pondo-se novamente de pé o garoto de cabisbaixa se dirige até o garoto como se estivesse disposto a ajuda-lo em qualquer coisa que o mesmo precisasse, ainda com os olhos vermelhos, Radamanthys estava com um certo grau de vergonha em seu rosto, não sabia se matava-se ou pedisse desculpas novamente. Radamanthys se abanca em uma poltrona localizada ao canto direito da cama de Noah esperando os pedidos de auxilio.
avatar
Radamanthys
Anjos
Anjos

Mensagens : 56
Data de inscrição : 19/08/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Quarto-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Lance Rogers em Seg Dez 12, 2011 7:41 am

Estava na enfermaria, desde a morte da jovem aluna, cujo nome era Jullieta, como pude descobrir. Acabei por dormir quietamente no quarto por horas e horas. Quando acordei, no entanto, ouvi um garoto gritando. Logo me levantei, percebi que de algum modo Lyon havia me encontrado, pois ele estava dormindo bem ao meu lado com seu pelo negro como piche e seu rostinho mau-humorado e fofinho ao mesmo tempo. Delicadamente o acordei, ele me cumprimentou com um preguiçoso Meowth, mas logo se levantou roçando em minha perna.
- Boa noite, Lyon, espero que não tenha lhe incomodado dormir aqui. - disse enquanto abria a porta.
Lyon respondeu com um sonoro Meuff. Assim que sai ao corredor, pude ver os dois calouros que lá estavam, reconheci-os imediatamente, Radamantis e Zooey, lembrava de vê-los em minha aula, além de a própria Zooey ser minha tutorada. Radamantis tinha uma afiada e grande espada em punho, mas Zooey parecia ter controlado a situação, fosse ela qual fosse, por isso decidi agir como se não ligasse. Suspirei e disse:
- Olá senhor Radamanthys. Hey Zo. Poderia saber o que se passa por aqui ? - perguntou com um pouco de preguiça ainda na voz.
Dei um olhar para zooey de "Quanto tempo, jovem Padanwan !!!". Lyon se mostrava bastante calmo, como se a raiva do calouro não pudesse atrapalhar sua noite, enquanto andava entre as pernas de Lance.
avatar
Lance Rogers
Professores
Professores

Mensagens : 184
Data de inscrição : 15/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: ☽●☾

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Isabelle Carter em Ter Dez 13, 2011 7:32 pm

Morada da Noite

Enfermaria.

Observei em silêncio a movimentação por ali,um garoto chegara,logo depois uma garota e logo depois mais outro.Uma movimentação um tanto anormal para uma enfermaria.
Suspirei vendo a enfermeira terminar seu trabalho,olhando de relance para Lyra,levantando-me e dirigindo-me vagarosamente até a maca onde estava Noah.Alguns fios de cabelo escondiam os pontos recém feitos,e ele dormia tranquilamente.
-Vocês não irão ao funeral da sacerdotisa?-perguntou a enfermeira,olhando-nos com curiosidade,um semblante triste no rosto.
-Ela...morreu?-eu perguntei,olhando-a preocupada,tentando acreditar no que ouvira,lembrando-me automaticamente de minha última conversa com Victória e de minhas novas marcas.
-Infelizmente sim...-respondeu-me a mulher,com um pesado suspiro.
Mordo levemente o lábio inferior dirigindo-me a Lyra.
-Acho que seria bom irmos,se o Noah não demorar a acordar.-eu digo,olhando novamente para o garoto na maca.



Isabelle Carter falou x palavras com Noah Gandalfr e Lyra Duchamps, em uma escola de vampiros de Tulsa, vestindo isso ouvindo Agridoce-Dançando, e agradece a Barbie pelo template.

_________________
Isabelle Carter Wodson

"It's a shame,I'm a Dream" ♥️ Vamp ♥️ Seventeen

credits @
avatar
Isabelle Carter
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 669
Data de inscrição : 28/03/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Lyra Duchamps em Qua Dez 14, 2011 10:18 am

Because everything is fading, fading memories»
...



Falas / Sonhos / Narração

Lyra suspirou pesadamente se esquecendo momentaneamente que trajava uma blusa branca muito fina, realmente incomodo.
Seguiu o garoto desacordado um tanto sonolenta, junto com a loira.
Noah parecia dormir, o rosto sereno e pontos distribuídos no lugar do corte, mais uma vez tinha de ser estúpido, mas era uma estupidez que poderia gerar risos futuros, mas Lyra não queria pensar assim, apenas friccionou uma mão na outra e se aproximou vagamente do garoto. Lembrou-se da presença da loira e da enfermeira no quarto. Embora elas estivesse ali perto o suficiente conversando, eles não pareciam reais. Mesmo a sua própria memória dele lhe parecia mais próximo da realidade do que as estranhos ao seu redor. Era tão dificil tentar seguir em frente, com tantas perdar e um passado devastador.

Mas ela não tinha forças para tentar mais.

- Eu vou ficar aqui. – respondeu em uma voz chorosa.

Ponderou-se de se sentar em algum lugar perto o suficiente de Noah, a castanha já tinha uma pequena admiração pelo garoto, apesar de não fazer nada apenas arrumar problemas, ele era uma ótima pessoa.
Cansada a Castanha fechou os olhos vagamente, enquanto as horas pareciam virar segundos, um sonho estranho se desenrolou pela cabeça da menina.

“Lyra olhou para o teto decorado e deixou sua mente vagar para algum lugar distante, onde não havia dor, medo, humilhação...Estava doendo, mas ela não iria chorar. Suas costas estavam queimando contra a fricção áspera da cadeira, ela já não sentia mais suas pernas e não se importava de estar ali, presa.
Lyra fechou os olhos e tentou respirar fundo. Ela estava ficando sem ar, sufocando lentamente, tudo a sua volta se dissolveu lentamente... Só restava o vazio, o imenso vazio qual era a pequena Lyra por dentro, não havia uma lembrança feliz, nenhuma se quer, tudo estava desaparecendo e caindo lentamente... ”




avatar
Lyra Duchamps
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 11
Data de inscrição : 30/11/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Convidad em Qua Dez 14, 2011 8:39 pm

Vendo que não haveria mais nenhuma batalha,
o jovem Wesker estica sua espada a frente e recita
o cântico que havia lhe levado até a enfermaria.
O jovem estica sua espada a frente e assim que
Metade dela havia sumido completamente,
o jovem gira a Zampakutou no ar. Uma porta de
dojo se abre perante o jovem que adentra a
mesma. Em alguns instantes, o jovem se vê nos bairros.



encerrado continuo nos bairros

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Convidad em Qui Dez 15, 2011 5:56 am


{ Thanks for the past}
But now is my future.



Noah lentamente abriu os olhos, misteriosamente o garoto não estava mais no lago e sim em uma sala totalmente branca, olhou para o teto e depois para os lados, os moveis eram claros demais para seu gosto rustico, mas de certa forma gostava da leveza e da clareza de lá, porém onde poderia estar? era parecido com um hospital,mas não tão bem equipado quanto um, deveria ser a enfermaria, por fim olhou de relance para Lyra que parecia dormir e depois para a loira que conversava com a enfermeira, as unicas palavras que o garoto pode ouvir com clareza foram sacerdotisa e funeral. Sentou na cama meio tonto pela dor do machucado que ainda não passara sorriu para enfermeira:

- Você deveria ir prestar suas condolências - Agora sentado conseguia ver a movimentação de seu quarto, duas pessoas que nunca havia visto antes estavam lá, uma com um corpo feminino e um semblante demasiado triste e o outro um homem negro que parecia forte e carregava uma espada que no minimo tinha três vezes o tamanho de Solaris que por sinal ainda estava em suas costas.

A enfermeira por sua vez colocou uma das mãos no braço do garoto e com um sorriso forçado comentou - Tenho mais pacientes pra cuidar, os vivos são mais importantes que os mortos - Ao ouvir essas palavras Noah assentiu com a cabeça concordando com a moça, porém em um pulo saiu da cama indo até Lyra:

- Desculpe pelo incomodo que causei a você Lyra, não vai mais acontecer...- o garoto disse em um tom suave enquanto abraçou e beijou levemente a testa da garota então se voltou pra enfermeira - Você tem um jaleco sobrando? - sem saber o que fazer a enfermeira apontou para um jaleco que estava em cima da mesa, Noah foi até ele e rapidamente o vestiu, estava meio sujo de sangue, mas o jovem não se importava e levemente andou até Bells pegando em sua mão - Vamos para o velório... pela sua cara ela parece ser importante pra você - A enfermeira parou na frente de Noah como se tentasse o impedir - Você ainda não está liberado senhor - O olhar sério tomou o lugar do sorriso, mas mesmo assim continuava sendo ele em confiança e objetividade - Existem coisas mais importantes do que minha saúde no momento, voltarei depois pra continuar com isso - colocou uma espécie de bandagem que pegou na mesa em sua testa, pegou a loira pela mão e com ela foi procurar onde era o velório apenas com sua samba-canção e jaleco branco manchado com sangue.


*******ENCERRADO****continua no velório....









O olhar sério tomou o lugar do sorriso, mas mesmo assim continuava sendo ele



Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Isabelle Carter em Qui Dez 15, 2011 9:25 am

Morada da Noite

Enfermaria.

Ouço a garota dizer que ficaria por ali,suspiro passando a mão nos cabelos,nem querendo eu poderia ficar ali,eu sabia que tinha que ir ao tal funeral.
-Lyra ele vai ficar bem....foi só um corte.-eu digo numa tentativa da tranquilizá-la.
De repente ouço a voz de Noah,falando talvez com a enfermaria.Viro-me para trás observando-o sentar-se na cama,pedindo desculpas a Lyra abraçando-a.
Fico em silêncio por alguns minutos apenas observando-o pegar um jaleco sujo por ali,tendo uma breve discussão com a enfermeira.
Balanço negativamente a cabeça sendo conduzida para fora do local pela mão.
-Devíamos chamar a Lyra...-eu digo olhando-o.-E você não vai desse jeito...eu também tenho que ir trocar de roupa...nos velórios deve-se usar preto.-eu digo voltando a enfermaria a fim de chamar Lyra.
-Lyra você não vai mesmo?-eu pergunto a olhando,saindo dali após ouvir sua resposta.
*Encerrado(continua no velório da sacerdotisa)



Isabelle Carter falou x palavras com Noah Gandalfr e Lyra Duchamps, em uma escola de vampiros de Tulsa, vestindo isso ouvindo Agridoce-Dançando, e agradece a Barbie pelo template.

_________________
Isabelle Carter Wodson

"It's a shame,I'm a Dream" ♥️ Vamp ♥️ Seventeen

credits @
avatar
Isabelle Carter
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 669
Data de inscrição : 28/03/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Convidad em Qui Dez 15, 2011 3:16 pm

Wade dirigiu por meia-hora, pois tomava cuidado para que a anja não caisse, ou se machucasse. Collin parou levemente o carro, no estacionamento, agora haviam apenas uns dois filhos de Érebus na entrada, mas pra sua sorte, eles o ajudaram de bom grado a carregar a naja desacordada. Wade os seguiu com a mulher, para sua surpresa, eles não pareceram ver as asas da anja. Ele a levou para um quarto na enfermaria, em seu peito, ela parecia mais quente. Não tinha certeza do que aquilo significava, mas falou as enfermeiras o ocorrido, mostrando em seguida o pote com os dedos cortados.
- Ela pode sobreviver ? Os dedos podem ser reimplantados ? Eu ajudarei no que for necessário, é só falarem o que preciso fazer. - disse ela a uma enfermeira que parecia bastante abatida.


Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Lance Rogers em Qui Dez 15, 2011 3:36 pm

Lance, antes que eles pudessem responder, sentiu uma enorme dor de cabeça, seu sexto sentido apitava como doido em sua cabeça. Se controlando, ele disse:
- Desculpem, tenho que ir...a algum lugar. Fiquem seguros. - disse se virando com Lyon ao seu encalço. Se cabelo negro na altura dos ombros se moveu com uma súbita brisa.
Lance saiu da enfermaria e falou com um filho de Érebus que lhe disse o que havia ocorrido, fazendo com que sua dor de cabeça só piorasse. Lance virou-se para o prédio dos adultos, onde ajudou os Filhos de érebus no planejamento do funeral de Victória e depois foi para seu quarto.

avatar
Lance Rogers
Professores
Professores

Mensagens : 184
Data de inscrição : 15/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: ☽●☾

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Radamanthys em Dom Dez 18, 2011 10:43 pm

A Lua clareava o céu, um feixe de seu brilho intenso cruzava as cortinas que ocultavam o interior da ala da enfermaria onde se encontravam os anjos que se abraçavam por acabarem de ter uma discutição por algo irrelevante, seus olhos umedecidos brilhavam juntos do brilho intenso e encantador da Lua cheia. Um aperto ocorre sobre o peito de todos que gostavam da garota que tinha falecido, porém, Radamanthys não tinha muitos convívios com a tal mais sabia que pela grande quantia de seres tristes por um mesmo motivo ela era um ser de grande respeito e admiração.
Radamanthys sem saber o que dizer ou fazer fica um minuto sem demonstrar nem uma emoção ou distração facial, seu rosto sério e negro deixava a sena um pouco que assustosa, sem querer dizer o por que de seu um minuto de silêncio os outros já poderiam ter uma noção do porque que ele tinha parado todas as suas ações e atitudes ridículas. Dando um beijo sobre a testa da garota que tinha como sua namorada Radamanthys sem sequer dar uma misera palavra se retira do recinto de cabisbaixo, dirigindo-se à saída ele nota que a luz que iluminava a mesma estava apagada, apenas um barulho estranho de curto circuito era ouvido no momento, sem a mínima vontade de saber sua origem Radamanthys se retira da enfermaria sem se quer olhar para trás.
O prodígio que em mente apenas enxergava um local onde poderia esvaziar sua mente e seu subconsciente e então se dirigiu a sala de esgrima onde ele enxergava como a sala mais interessante do colégio. Sua espada era um tanto que pesada mais isso não o tirava o foco de sua caminhada até seu ponto de descanso, escorava a espada em seu ombro para não ter que sentir todo seu peso, sua espada que por sinal eram, por exemplo, umas seis, tinham uma capacidade muito alterada de corte, seus paços eram ligeiros e pesados a ponto de deixarem fortes e profundas marcas de suas butinas ao solo arenoso. Arremessa sua grande espada para cima fazendo com que a mesma usasse seu peso e cravasse no solo, tirou seu sobre tudo ao mesmo tempo em que a espada ainda permanecia sobre girando como se estivesse dançando no ar, por fim a espada crava no chão e ele pendura seu sobre tudo na mesma assim se abancando sobre um banco que tinha próximo a ele.


To Be Continue...
[“Sala de esgrima”]

avatar
Radamanthys
Anjos
Anjos

Mensagens : 56
Data de inscrição : 19/08/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Quarto-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Ginevra Knoll Scheller em Qua Dez 21, 2011 10:24 am


O carro para . O homem continua correndo para salvar a vida da "amada" . O sangue ainda escorre mas só algumas gotas chegam até o chão o resto fica nos tecidos agora em tons de negro e vermelho . A respiração ainda era fraca . O coração ainda batia , fraco mas ainda batia . A correria e grande os passos são acelerados tudo para salvar a vida dela . O homem e ajudado por outros dois que a levem para um dos quartos . A enfermeira se espanta ao ver os dedos da garota no pote . Seu espanto foi consumido pelo medo que agora ela aparentava ter , ao ver o rosto da garota lembrou da descrição que derem a algum tempo atras . Seria ela a devoradora de almas ? que fez aquilo com o garoto humano que ainda resiste sem algo . Sim a noticia da devoradora de almas chegou em todos os locais possíveis . Mas o que ainda não sabiam era que ela tira perdido seus poderes .
A enfermeira toma todo o cuidado para que ela não acorde e tire o bem mais precioso de todos ali . O relógio corre contra todos ali , principalmente contra a garota que ainda resistia deitada em uma maca sendo atendida o mais rápido o possível . Os primeiros socorros foram feitos o sangramento foi estancado com susseso . Agora a garota era mantida em coma induzido . Novamente a correria começa e a garota e levada para outro lugar , na enfermaria do House of Night não teria a estrutura suficiente para fazer a cirurgia . Cirurgia que poderia levar horas . A ambulância foi chamada agora a garota era levada para o "mundo humano" seus dedos eram levados juntos . Para reconstituir sua mão . O tempo não para e se parar ela morre .


Encerrado - Continua Saint Francis Hospital .


avatar
Ginevra Knoll Scheller
Moderador
Moderador

Mensagens : 124
Data de inscrição : 26/10/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: ☽●☾

Ver perfil do usuário http://www.institutodurmstrangr.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Zooey Jett em Ter Dez 27, 2011 11:19 pm


Zooey estava exausta, e a confusão que causara a prejudicou mais ainda, porém a mesma já havia sido resolvida.
Agora ela encontrava-se tranquila nos braços de seu amado, a sensação que ele lhe causava era extraordinária, tanto a deixava agitada quanto calma. Zooey foi junto a Radamanthys ao local em Noah estava e ouviu o que ele falava porém não prestou atenção. Sua mente estava literalmente girando e não conseguia ver direto quem estava na enfermaria.
Porém conseguiu reconhecer Lance, seu tutor; ela deu um sorriso de longe e o cumprimentou quando ele se aproximou. Ela iria responder a sua pergunta porém viu que tinha acontecido algo e logo ele se afastou.
Talvez fosse o que ela ouvia "ao longe" sobre a morte de Victória.
Tonta, Zooey apenas sente quando Rad beija sua testa com seus lábios delicados e se afasta. Ela também sai da enfermaria, porém se dirige a outro local.
Zooey precisava ficar um tempo longe da morada, não sabia o que estava acontecendo porém algo lhe dizia isso.


Continuação_Quarto
avatar
Zooey Jett
Anjos
Anjos

Mensagens : 174
Data de inscrição : 23/08/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Quarto-Formado

Ver perfil do usuário http://camp-half-bloodpj.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Haden Stone em Qua Jan 11, 2012 12:03 pm

Adentro a enfermaria com Caty em meus braços e respiro fundo, Caty não era tão pesada, mas a enfermaria era longe e eu estava fora de forma, a coloquei com cuidado sobre uma das macas e examinei o lugar a procura de uma enfermeira.

-Onde estão as enfermeiras daqui?

Perguntei com um tom um tanto de preocupação enquanto olhava para Caty mostrando um sorriso, e rapidamente me virei para certificar que a Violet estava atrás de nós, sentei-me em uma cadeira perto da maca e fiquei esperando.
avatar
Haden Stone
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 28
Data de inscrição : 05/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Caty Night em Qua Jan 11, 2012 2:17 pm

Rápido chegámos à enfermeria. Haden me tinha levado todo o caminho e quando chegámos suspirou. Onde estão as enfermeiras daqui? - Ouvi eu.

-Não sei...Talvez seja preciso esperar um pouco.

Reparei que ele estava cansado

-Eu avisei que era pesada - falei baixinho e coloquei a mão sobre o ombro dele como forma de apoio dando também uma pequena risada.

Olhei para Violet que estava também connosco.

-Hey Violet já viu o seu quarto? Se quiser depois posso levar lá você.

Depois voltei a fitar Haden.

-E também posso levar você...

Sorri para os dois.
avatar
Caty Night

Mensagens : 394
Data de inscrição : 01/04/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Violet Chill Fox em Qua Jan 11, 2012 4:22 pm

Tinhamos chegado na enfermaria que parecia deserta, Adan colocou a Caty deitada numa das macas.
-Onde estão as enfermeiras daqui? - Ele falou e olhou para mim, provavelmente para garantir que eu ainda estava lá e se sentou numa cadeira.
-Não sei...Talvez seja preciso esperar um pouco. - A Caty falou e colocou a mão no ombro do Adan. -Eu avisei que era pesada ela falou e sorriu.
-Hey Violet já viu o seu quarto? Se quiser depois posso levar lá você. - A Caty falou olhando para mim e voltou a olhar o Adan - E também posso levar você.
Me sentei na ponta da maca e sorri.
- Não eu ainda não fui no meu quarto. - Falei mexendo no cabelo.
avatar
Violet Chill Fox
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 30
Data de inscrição : 02/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Adam Conant em Qua Jan 11, 2012 7:21 pm

Enfermaria

House of Night



Eu não havia andado por aquelas bandas da Morada antes, era por lá que ficava a enfermaria, como não havia me machucado depois de chegar à House of Night eu evitei aquele local, mas dessa vez eu cheguei lá meio que perdido, em pensamentos, organizando uns papéis para os FDT, eu entro na sala por engano e deparo com alguns calouros, uma delas por sorte eu reconheci do funeral, membro das Filhas das Trevas, outras pessoas estão com ela e eu vou em sua direção andando com vários papéis nos braços.

- Com licença, seu nome é Caty não é? Você estava comigo e com a Elena no funeral, membro das Filhas das Trevas... Enfim preciso de sua ajuda, e também seus concelhos...

Percebo que os outros me encaram como se eu fosse estranho (eu devia estar parecendo, um pouco estranho) e olho para eles e sorrio.

- Olá, me chamo Adam Conant, prazer em conhece-los, perdoem-me por atrapalhar a conversa de vocês...



Agradece a Barbie pelo template.


_________________


Adam Conant

"Son of Darkness"
Leader Blue FreshmanVampire
thanks princess kira from @ sugar!
avatar
Adam Conant
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 311
Data de inscrição : 26/11/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Sexto-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Enfermaria

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 10 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum