Quarto no porão - Richard Freaks

Ir em baixo

Quarto no porão - Richard Freaks

Mensagem por Lance Rogers em Qua Out 31, 2012 12:58 pm

O antigo dono da mansão do Black, Wade, deixou sua mansão para Richard Freaks ante de sair em viagem. Sendo assim, agora que Richard completou sua mudança vai se mudar para a mansão.

avatar
Lance Rogers
Professores
Professores

Mensagens : 184
Data de inscrição : 15/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: ☽●☾

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Quarto no porão - Richard Freaks

Mensagem por Richard G. Freaks em Dom Dez 02, 2012 10:02 pm


One Hour After Midnight


[color=darkred]Demoraria algum tempo para minha completa mudança dos túneis para a Mansão Black. Não que eu tenha muita coisa ou algo do tipo, mas por o lugar onde as coisas estão seja exatamente um túnel subterrâneo, o que torna bem dificil para pessoas normais levar tudo para fora, de modo que eu mesmo teria de tirar tudo dos túneis para então colocarem num caminhão e trazer tudo pra cá. E atualmente dispenso qualquer trabalho repetitivo.
Abri a geladeira e peguei umas das incontáveis bolsas de sangue que lá haviam. Rasguei uma de suas pontas comecei a bebê-la gole à gole. O gosto era bom. Mas não tão bom quanto antes. Nunca tão bom quanto sempre foi. Não impota quantas bolsas eu beba, sangue nenhum será sequer comparável ao dela. Agoa que penso nisso, não era só seu sangue. Era sua pele levemente arrepiada, seu cabelo que tocava meu ombro enquanto ela bebia meu próprio sangue, eram seus lábios tocando meu pescoço. Era seu cheiro suave e o calor de seu corpo, era os sons que ela fazia mesmo sem sentir.
- Oh deusa ! Haverá em qualque outro corpo em todo o mundo um coração que bata tão ritmicamente ? Uma respiração que seja tão lírica ? Uma pele que se arreie tão levemente ao meu toque ? - joguei a bolsa vazia na lixeira do outro lado de meu quarto. Deitei-me na cama olhando o teto tão próximo do porão. - Haverá em todos os tempos um presente tã perfeito ter durado tão pouco ? Foi apenas um segundo, ou dois ? Fora um mero segundo. O mero melhor segundo de toda a minha vida. Fora um segundo, mas durou infinitamente. - cerrei meus olhos e sorri para o teto. - Um segundo. Um segundo de tudo que qualquer ser gostaria de ter, pago com horas do pior que o mundo tem a oferecer. - mordi meu lábio inferior e evoquei a imagem que há algum tempo me perturbara. Sua imagem.
Será que era assim que John se sentia próximo a Victoria, ou mesmo quando ela estava longe ? Isso é simplesmente tão teatral. Como se tudo fosse apenas outra tragédia de Shakespeare...
Um sonho. Apenas mais um.




Thanks, Baby Doll @ ETVDF

_________________

What if the fireworks explode, the eternal feast of death begins.
Wake Anadlu Sarff, it's time for song of the sword, the song of death.
avatar
Richard G. Freaks
Professores
Professores

Mensagens : 227
Data de inscrição : 07/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: ☽●☾

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum