Praça Central

Página 11 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 10, 11, 12, 13  Seguinte

Ir em baixo

Praça Central

Mensagem por Isabelle Carter em Sab Set 24, 2011 1:22 pm

Relembrando a primeira mensagem :

A praça central fica próxima ao Starbucks e ao hospital Saint Francis.É um local agradável,com algumas trilhas de pedras entre as árvores antigas do local.Haviam alguns bancos por ali,onde podiam-se encontrar algumas pessoas conversando e casais.
Na primavera a praça parecia ganhar um tom quase mágioa,tudo enchia-se de flores, o verde parecia ficar ainda mais vivo.

_________________
Isabelle Carter Wodson

"It's a shame,I'm a Dream" [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Vamp [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.] Seventeen

credits @
avatar
Isabelle Carter
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 669
Data de inscrição : 28/03/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Praça Central

Mensagem por Maja Wangehall em Qui Nov 22, 2012 8:57 pm


" I'm not a devil,
But you know I'm not an angel
I don't wear a halo
'Cause good girls go to heaven
Bad girls go everywhere


Desviei o olhar um pouco emburrada, como ele sabia? Por acaso andava com um detector de garotas idiotas no bolso? Não que eu fosse uma, mas já estava a meio caminho de ser - principalmente porque havia sido marcada a semanas e nem sabia controlar o meu poder ainda. Quando dei por mim já estava balançando a perna. Fazia isso quando estava irritada, impaciente ou pensando demais.

- Ótimo, Sr. Shakespeare - Murmurei e mordi a língua para não falar mais nada, vai que eu falava mais alguma besteira... Ai ia ganhar o premio de idiota.

template by: MM's GIRL on Tdn!

Good girls don't play with fire
Bad girls do it 'cause we don't care"
avatar
Maja Wangehall
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 79
Data de inscrição : 27/07/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Dyson C. Salazar em Qui Nov 22, 2012 9:02 pm




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Waking

the demon

Fiz um meio sorriso, mesclado com uma careta, mas continuava fitando o vazio da noite ao fundo da rua.
-Desculpe... Não queria te irritar. Acho que deve ser realmente chato, alguém que você não conhece, vir com uma brincadeira dessa, idiotice minha, desculpe.
Chutei uma pedra que estava no chão, não muito forte para não chamar atenção da garota, e me virei para fitar ela, ainda não tinha parado para ver quem que estava ali. Até que era bonitinha. Tinha logos cabelos e uma pele clara.
-A quanto tempo está na cidade? Não me lembro direito de você... - tentei não parecer rude.





By: Lyra

_________________

is rock and roll, fuck!
ROCKER | LOBO DA CARLY| THIS IS ROCK'N ROLL , LIVE WITH THIS!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Dyson C. Salazar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 285
Data de inscrição : 04/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Maja Wangehall em Qui Nov 22, 2012 9:09 pm


" I'm not a devil,
But you know I'm not an angel
I don't wear a halo
'Cause good girls go to heaven
Bad girls go everywhere


Legal agora ele queria saber da minha vida. Geralmente eu não gostava de conversar sobre isso com as pessoas (principalmente as que eu não conhecia), mas como tinha acordado de bom humor suspirei e decidi responder.

- Uns três anos, na verdade. - Falei mantendo a voz baixa. Olhei para ele e acrescentei com sarcasmo: - Porque? Você conhece todo mundo da cidade e quer dar uma checada nos registros?

Espero que meu sarcasmo não tenha assustado o garoto, mas eu costumo ser grosseira com todo mundo. É natural! Nem é minha culpa para falar a verdade.
template by: MM's GIRL on Tdn!

Good girls don't play with fire
Bad girls do it 'cause we don't care"
avatar
Maja Wangehall
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 79
Data de inscrição : 27/07/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Dyson C. Salazar em Qui Nov 22, 2012 9:15 pm




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Waking

the demon

3 anos, e eu nunca tinha visto ela... Bem, estava no meio termo da morte de meu pai... Enfim. Quando ouvi o sarcasmo dela não segurei uma risada, que quebrou o silêncio da noite.
-Não não... Mas eu moro desde que nasci, e tenho noção de quem mora a tanto tempo quanto eu nessa cidade... Bem, não quero lhe encher com minha vida, só queria puxar assunto mesmo. - tinha esquecido de como era conversar com alguém ignorante.
Olhei para a garota e sorri, um sorriso franco e amigo.





By: Lyra

_________________

is rock and roll, fuck!
ROCKER | LOBO DA CARLY| THIS IS ROCK'N ROLL , LIVE WITH THIS!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Dyson C. Salazar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 285
Data de inscrição : 04/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Maja Wangehall em Qui Nov 22, 2012 9:29 pm


" I'm not a devil,
But you know I'm not an angel
I don't wear a halo
'Cause good girls go to heaven
Bad girls go everywhere


Eu olhei bem para ele, era um garoto bonito, com cabelos e olhos claros, mas não me parecia familiar de forma alguma. Eu não conhecia todo mundo da cidade mas muitas vezes via rostos conhecidos nas raras vezes que decidia sair. Mas não me lembrava de ter visto ele em momento algum - queria ficar feliz por isso.

- Bom, você é péssimo em puxar assunto - Falei finalmente. - Mas admiro seu desempenho, parabéns garoto.

Ah como eu era mal educada - não pelo fato de nem ter perguntado se o garoto queria sentar (talvez eu devesse oferecer uma xícara de chá também). Eu tinha que aprender a ficar de boca fechada e parar de ser grosseira (não sei porque acho que não conseguiria mesmo que tentasse).
template by: MM's GIRL on Tdn!

Good girls don't play with fire
Bad girls do it 'cause we don't care"
avatar
Maja Wangehall
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 79
Data de inscrição : 27/07/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Dyson C. Salazar em Qui Nov 22, 2012 9:32 pm




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Waking

the demon

Ri outra vez, mas agora um pouco mais silencioso. Ela estava sendo sincera, mas não sabia quem tinha mais problemas em se relacionar ali, o monstro ou a morta-viva. De qualquer jeito, dei um sorriso para ela.
-É... Realmente eu sou péssimo, não sou muito sociável, tive alguns probleminhas no passado que me impedem disso... Mas obrigado pelo elogio, acredito que foi do fundo do seu coração sarcástico. - dei uma risada para não ser muito grosseiro - Á quanto tempo está marcada?
Provavelmente ia pegar a garota de surpresa.





By: Lyra

_________________

is rock and roll, fuck!
ROCKER | LOBO DA CARLY| THIS IS ROCK'N ROLL , LIVE WITH THIS!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Dyson C. Salazar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 285
Data de inscrição : 04/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Maja Wangehall em Qui Nov 22, 2012 9:44 pm


" I'm not a devil,
But you know I'm not an angel
I don't wear a halo
'Cause good girls go to heaven
Bad girls go everywhere


Aquilo deveria me surpreender, os vampiros deveriam cobrir a marca quando saiam da morada (regra que eu nunca fazia questão de cumprir). Mas depois de tudo o que ele falou ficava difícil se surpreender com algo. Então apenas olhei para ele e dei um sorriso sarcástico.

- Já faz algumas semanas. - Respondi e dei de ombros tentando parecer indiferente. - Porque pergunta? Vai me denunciar por sair escondida?

Ai como eu sou chata. Não deveria falar daquele jeito, mas era mais forte que eu. Me treinei a vida inteira para ser assim, não tinha como mudar do dia para noite.
template by: MM's GIRL on Tdn!

Good girls don't play with fire
Bad girls do it 'cause we don't care"
avatar
Maja Wangehall
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 79
Data de inscrição : 27/07/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Dyson C. Salazar em Qui Nov 22, 2012 9:50 pm




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Waking

the demon

Aproveitei e fui na brincadeira, ela era chata, mas talvez eu conseguisse fazer ela ficar um pouco mais legal comigo... Quem sabe, depois de muito insistir, talvez eu consiga alguma coisa.
-Te dedurar para a Morada? Acho que não entendeu o que está acontecendo garotinha...
Fui até a frente da garota, e coloquei o pé ao lado dela da cadeira, impedindo que ela passasse por ali.
-Já ouviu falar no povo da fé? - Aproximei vagarosamente o rosto, para poder falar o mais baixo possível - Já ouviu falar o que fazemos com vampirinhas que andam por aí desprevinidas? - passei a ponta do indicador pelo pescoço dela, como se traçasse um caminho de uma lâmina imaginária, e quando comecei a apertar o seu pescoço, tirei a mão e recuei - Brincadeirinha, você já estaria morta se eu fosse um membro - mostrei a língua só de pirraça.





By: Lyra

_________________

is rock and roll, fuck!
ROCKER | LOBO DA CARLY| THIS IS ROCK'N ROLL , LIVE WITH THIS!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Dyson C. Salazar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 285
Data de inscrição : 04/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Maja Wangehall em Sex Nov 23, 2012 2:34 pm


" I'm not a devil,
But you know I'm not an angel
I don't wear a halo
'Cause good girls go to heaven
Bad girls go everywhere


Eu não tinha medo do "povo da fé", são um bando de idiotas metidos a caçadores de vampiros - e cá entre nós não estavam fazendo um bom trabalho. Fiquei olhando para ele sem mudar em nada minha expressão.

- Se a sua intenção era me assustar não conseguiu. - Falei depois de um tempo e balancei a cabeça em negativa. - Você deveria se esforçar mais...

Dei um sorriso rápido como se fosse servir de consolo e desviei o olhar de volta para as flores - que seriam muito mais interessantes de estivessem mortas.
template by: MM's GIRL on Tdn!

Good girls don't play with fire
Bad girls do it 'cause we don't care"
avatar
Maja Wangehall
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 79
Data de inscrição : 27/07/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Dyson C. Salazar em Sex Nov 23, 2012 2:40 pm




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Waking

the demon

Suspirei e dei de ombros, era realmente complicado tirar um sorriso dessa menina, coisa mais chata. Mas bem, não era de costume meu desistir de alguma coisa, se não eu não seria o palhaço que quase sempre sou. Pelo menos que eu era... Me virei de costas para ela e botei as mãos na jaqueta de novo.
-Chatinha você em...
Dei alguns passos para frente, e me agachei perante as flores. Toquei uma delas, sentindo toda sua energia em minhas mãos, que pareciam esquentar aquele pedacinho de minha alma. Ainda não tinha me acostumado com isso, sentir as coisas vivas.
-Ei... Menina. Você tem pena delas? - me referi ás flores - São as mais belas, chamam a atenção de todos. Mas parece que a beleza custou caro. Imagine, ser obrigado a passar toda sua vida, presa em um mesmo lugar, sem poder sair... Sem liberdade para andar, conhecer... Ou amar.





By: Lyra

_________________

is rock and roll, fuck!
ROCKER | LOBO DA CARLY| THIS IS ROCK'N ROLL , LIVE WITH THIS!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Dyson C. Salazar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 285
Data de inscrição : 04/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Maja Wangehall em Sex Nov 23, 2012 2:59 pm


" I'm not a devil,
But you know I'm not an angel
I don't wear a halo
'Cause good girls go to heaven
Bad girls go everywhere


Olhei para as flores desinteressada enquanto o Shakespeare interior dele se manifestava novamente. Uma pena que eu não fosse a melhor aluna de poesia da House of Night, poderia dar umas dicas para ele.

- Ou matar. - Completei com um sorriso - De qualquer forma os humanos não são muito diferentes delas. Eles são chatos e se você não der um pouquinho de água eles morrem.

Dessa vez eu ri de mim mesma. Aquilo era ridículo, mas era a pura verdade. Me levantei e fui até as flores, escondendo as mãos dentro dos bolsos do casaco.

template by: MM's GIRL on Tdn!

Good girls don't play with fire
Bad girls do it 'cause we don't care"
avatar
Maja Wangehall
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 79
Data de inscrição : 27/07/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Dyson C. Salazar em Sex Nov 23, 2012 3:06 pm




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Waking

the demon

Mexi no colar em meu pescoço, como se olhar aquelas flores estivesse interligada com alguma lembrança e com o mesmo.
-As flores testemunharam as maiores atrocidades do mundo. Elas foram forçadas a assistir massacres e derramamentos de sangue. Como pode a humanidade ser tão... Fria. Vampiros fingem ser superiores, mas não são lá tão diferentes. Nem eu mesmo... Cada ser tem sua história para contar, sua história para esconder. Mas essas flores... - Acariciei as pétalas - Elas são testemunhas do sofrimento, sempre vão estar ali, independente de ser bom ou mal, elas estarão ali, para lhe mostrar sua beleza.
Meio melancólico, mas eu sempre era assim nessas horas da noite. Eu precisava deixar um tempo para recordar meus sofrimentos e pecados. Eu lembrava de cada um que matei, cada ser que devorei e me encharquei com seu líquido rubro tão almejado por esses seres. Não passava de um assassino procurando conforto. Ah, o que eu estou pensando? Não sou mais um sangue frio. Eu não matei por prazer... Não todos. Eu posso me controlar, e vou trazer a paz para este mundo caído e feio. Me virei para olhar a menina.
-Deve estar chato ter que me aturar em meus momentos depressivos de reflexão da vida. Talvez tivesse gostado de me conhecer em momentos mais alegres.





By: Lyra

_________________

is rock and roll, fuck!
ROCKER | LOBO DA CARLY| THIS IS ROCK'N ROLL , LIVE WITH THIS!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Dyson C. Salazar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 285
Data de inscrição : 04/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Maja Wangehall em Sab Nov 24, 2012 8:09 am


" I'm not a devil,
But you know I'm not an angel
I don't wear a halo
'Cause good girls go to heaven
Bad girls go everywhere


- Isso é baboseira hipócrita . - Falei sem me importar em olhar para ele. - Você não acha que se fosse uma pessoa, até mesmo um vampiro, no lugar dessas flores faria algo contra todas essas coisas ruins? É a prova de que essas flores são tão inuteis quanto nós mesmos. Por mais que tentem deixar o mundo bonito sempre vai ter um fator que irá destrui-lo.

Dei alguns passos para longe das flores, mas depois me virei e olhei para o rapaz.

- Porque não levamos o caso ao tribunal? Você defende as flores enquanto eu defendo a mim mesma por odiá-las - Falei em tom de brincadeira.
template by: MM's GIRL on Tdn!

Good girls don't play with fire
Bad girls do it 'cause we don't care"
avatar
Maja Wangehall
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 79
Data de inscrição : 27/07/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Dyson C. Salazar em Sab Nov 24, 2012 4:03 pm




[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Waking

the demon

Dei de ombros. Fiquei acariciando as pétalas das flores, sentindo o aroma que só eu poderia sentir ali.
-Não escutem ela... Ela é só uma chata que não sabe o que diz. - Sussurrei e sorri para as flores.
Estava começando a se tornar uma conversa muito forçada, e realmente chata. Me virei para a garota, sem o sorriso.
-O que te aconteceu? Não me parece que foi sempre assim, tão ignorante. Quem te roubou a felicidade? - fitei os olhos da garota.
Não tinha outra explicação, só podia ter acontecido alguma coisa para essa menina ser assim. Pois seu coração e suas palavras muitas vezes não batiam em sincronia.
A fraca luz do sol começava a surgir, e aquele dia... Algo me dizia que ele seria importante, eu não poderia perder muito tempo ali. A lua cheia se aproximava e meu corpo já começava a sentir tudo.
-Sinto muito... Mas deveremos manter essa conversa para outro dia, eu tenho que ir.
Sai, sem ouvir o que ela falou.



encerrado


By: Lyra

_________________

is rock and roll, fuck!
ROCKER | LOBO DA CARLY| THIS IS ROCK'N ROLL , LIVE WITH THIS!
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Dyson C. Salazar
Lobisomens
Lobisomens

Mensagens : 285
Data de inscrição : 04/09/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Abby R. Madley em Qua Jan 09, 2013 10:30 am

Sei que tenho um coração, mas é difícil de explicar.

post: 01 - clothes: here - lyrics: I Knew You Were Trouble @ Taylor Swift

Eu tinha continuado firme até certo ponto. Mas não conseguia aguentar o fato de praticamente todos ao meu redor serem vampiros. Eu odiava vampiros, não podia me esquecer disso. Achei melhor passar na Praça de Tulsa antes de ir para casa, eu precisava urgentemente de um lugar reservado para pensar. Quando começo a tentar assimilar o que havia acontecido, quase que uma guerra se forma dentro de mim. Uma metade acredita que os vampiros são a pior espécie, já a outra tenta me convencer de que alguns podem não ser ruins. "Isso é ridículo" penso esquecendo as hipóteses estúpidas que passam pela minha mente. Não ia me dar ao luxo de pensar coisas desse tipo, a verdade é que se vampiros eram bons ou não pouco me importava. Eu iria querê-los longe de qualquer jeito.

A sensação ruim que me atormentara a semana inteira volta. Eu devia estar gripada, o que piorava as coisas. Dores tomam meu corpo violentamente, tornando tudo ainda mais difícil. Penso em voltar para casa mas não tenho condições de avaliar bem a ideia. Abro e fecho os olhos rapidamente, o mundo inteiro parecia girar muito depressa. Quando o mal-estar passa consigo reunir o resto de minhas forças para caminhar por um beco em direção a rua mais próxima, na tentativa de poder chamar um táxi.

Tenho a nítida impressão de estar sendo seguida. Por um segundo eu congelo, o que foi uma péssima reação já que eu estava sozinha em um beco escuro. Olho para trás e não vejo ninguém, o que era de se esperar pela péssima iluminação do local. Apresso o passo mas a rua ainda esta longe. Fecho os olhos e quase rezo para sair viva dali.

thanks, baby doll @ etvdf
avatar
Abby R. Madley
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 48
Data de inscrição : 14/12/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Tonight is the night.

Mensagem por Narrador em Qua Jan 09, 2013 11:22 am

A garota Abby parecia um tanto apreensiva sem entender direito o que estava prestes a acontecer. Ela andava rapidamente tentando chegar ao seu destino.....mas o seu destino seria bem diferente daqui para a frente.

A deusa Nyx a havia escolhido. A noite iria abraçá-la. A lua seria a sua guia.....
O corpo de Abby começara a produzir uma essência invisível em suas glândulas apócrinas, que despertam um feromônio de alarme – isso explicava a “gripe” que ela sentia, mas era apenas a sua “Marcação” . Há alguns dias um vampiro Rastreador estava farejando este feromônio. E essa noite era a noite.

O vampiro avistou a humana e começou a segui-la. A rua mal iluminada não permitiu que ela o enxergasse, e quando ela virou um beco lá estava ele, com seu terno escuro e seu rosto sério.
O vampiro possuía uma Lua crescente azul-safira na testa e uma tatuagem de um nó entrelaçado emoldurando seus olhos. Ele irradiava poder e escuridão.....

Antes que Abby tentasse correr, ele disse em bom tom:
- Abby Abby Madley! Fostes escolhida pela Noite; tua morte será teu nascimento. A noite te chama; preste atenção para escutar Sua doce voz. Teu destino aguarda por ti na Morada da Noite!

Em seguida, o rastreador ergueu o dedo e apontou para a testa da moça. Abby sentiria uma explosão de dor e uma lua crescente apareceria na testa dela. Talvez ela desmaiasse......
O vampiro então viraria as costas e sumiria na escuridão....

Caberia agora a Abby seguir o seu novo destino e dirigir-se até a Morada da Noite imediatamente. O toque do Rastreador concedia a marca da lua crescente e aliviava temporariamente os sintomas da Marcação em Abby. Entretanto, este alívio temporário terminaria em pouquíssimo tempo.... Abby precisaria ir para junto dos vampiros adultos o quanto antes....ou morreria com a degeneração de seu sistema pulmonar e capilar.

avatar
Narrador
Moderador
Moderador

Mensagens : 145
Data de inscrição : 14/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Abby R. Madley em Qui Jan 10, 2013 8:56 pm

Sei que tenho um coração, mas é difícil de explicar.

post: 02 - clothes: here - lyrics: Help @ The Beatles

Eu me viro. E lá está ele. Não posso culpá-lo, ele havia vindo apenas fazer sua obrigação. Mesmo assim me desespero ao ver o rastreador, com seu terno escuro e expressão séria, bem atrás de mim. O vampiro possuía uma Lua crescente azul-safira na testa e uma tatuagem de um nó entrelaçado emoldurando seus olhos. Aquele era o fim de tudo... Ou talvez apenas o começo do meu pesadelo. Antes que eu arrumasse forças para correr escuto-o dizer em um tom alto o suficiente para que as palavras fossem ouvidas com clareza:

- Abby Abby Madley! Fostes escolhida pela Noite; tua morte será teu nascimento. A noite te chama; preste atenção para escutar Sua doce voz. Teu destino aguarda por ti na Morada da Noite! - ele ergue o dedo e aponta para a minha testa.

Sinto um aperto no peito e logo em seguida uma explosão de dor. A Lua azul já devia estar em minha testa. Minhas pernas sedem e eu caio no chão, não sabendo se fora por causa da intensa dor ou se o choque tinha me paralisado.

Devo ter ficado desacordada por algum tempo pois, quando recuperei a consciência, olhei no meu relógio e vi que já haviam se passado algumas horas. Isso significava que eu tinha pouco tempo. Paro para tentar ligar as coisas. Agora tudo estava claro. Eu não estava gripada, aquilo era apenas meu corpo que começara a produzir uma essência invisível em minhas glândulas apócrinas, que despertam um feromônio de alarme farejado pelo vampiro que eu encontrara. Era hora da minha escolha, ou seguir para morada como Caloura Azul ou permanecer parada e morrer, acabando com aquilo tudo de vez. A segunda opção parecia mais atraente.

A saída que eu encontrei foi, com as forças que me restaram, ligar para meu melhor e único amigo. Will saberia o que fazer e, a aquela altura, só ele seria capaz de me ajudar. Tínhamos nos conhecido em uma das vezes em que minha banda foi se apresentar em um bar da cidade. Daquele dia em diante ele se tornou meu porto seguro e o motivo pelo qual eu levantava da cama cada dia.

O telefone começou a chamar e, quando ouvi o "alô" meio embriagado do outro lado da linha não consegui conter o choro:

- Will, eu preciso de você ... - disse meio pausadamente tentando disfarçar a voz tremula e desesperada.

Do outro lado a voz parece preocupada:

- Abby? É você?- ele dá uma pequena pausa - O que aconteceu?

- Ele veio atrás de mim Will - ela é impedida de prosseguir pois começa a soluçar. Depois de alguns segundo em silêncio Abby consegue concluir - Eu sabia que isso aconteceria ... Mas agora é tarde. Não consegui impedir e tenho pouco tempo. - ela volta a chorar descontroladamente.

- Quem veio atrás de você Abby? O que está acontecendo? - ele espera uma resposta que acaba não chegando então prossegue - Onde você está? - Ele não parecia me entender, mas a verdade é que nem eu mesma entendia.

- Estou no beco próximo a Praça Central ... - praticamente cuspo as palavras, com uma voz ligeiramente mais tranquila. Engulo o choro. - O rastreador me achou Will, a noite me escolheu - desligo o telefone e seguro-o contra meu peito.


thanks, baby doll @ etvdf
avatar
Abby R. Madley
Calouro Azul
Calouro Azul

Mensagens : 48
Data de inscrição : 14/12/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por William Grey Stark em Qui Jan 10, 2013 9:19 pm

William Grey Stark

“And all was black and still, and black and cold, and black and dead, and black.”
Sai do Taxi meio tonto, pago o motorista e começo a olhar para os lados meio preocupado, me sentia meio tonto pela bebida mas também por estar um pouco resfriado há alguns dias, tinha até ficado de cama uma tarde tossindo, mas nada muito grave, fui a festa ainda meio zonzo, mas não perderia uma festa por nada, coloco a mão na cabeça e começo a andar procurando a Abby, vez ou outra olho para trás, tinha a sensação de que podia estar sendo seguido por quem tinha pego a Abby, estava ficando cada vez mais preocupado, paro em frente a um dos becos perpendiculares a praça onde a Abby estaria, viro para trás para ver se tinha alguém e congelou... tinha a impressão de que ele era o próximo...




@UKF Music Podcast #21 - Boy Kid Cloud

avatar
William Grey Stark
Moderador
Moderador

Mensagens : 36
Data de inscrição : 26/12/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Narrador em Qui Jan 10, 2013 10:26 pm

A mesma noite. A mesma praça. O mesmo beco.
Parecia que o destino resolvera unir dois Filhos da Noite.

A vida “sem graça” de William Stark estava prestes a mudar em Tulsa. A noite o havia escolhido.
O rapaz saíra de uma festinha e viera socorrer a sua amiga Abby, uma recém-marcada.
O garoto apresentava sintomas semelhantes a mocinha e para piorar a situação estava mais tonto do que tudo.

O mesmo rastreador de Abby também estava farejando William. Ele o encontraria amanhã, mas com a aproximação dele do local, o vampiro adulto mudou seus planos e aguardou na escuridão até o rapaz chegar.
William andava e parecia um tanto preocupado, talvez por Abby, talvez por estar sendo seguido. De repente o rapaz parou e olhou para trás, o rastreador saiu então das sombras e o encarou sério, repetindo as mesmas palavras:

- William Stark! Fostes escolhido pela Noite; tua morte será teu nascimento. A noite te chama; preste atenção para escutar Sua doce voz. Teu destino aguarda por ti na Morada da Noite!

O Rastreador colocou uma mão no ombro do rapaz que estava meio tonto e ergueu a outra mão até sua testa. Com o dedo apontou na testa dele, onde surgiu uma marca de lua crescente. William sentiria uma dor extremamente forte.
A Morada da Noite está a espera do novo calouro. Espera-se que ele siga o caminho da deusa, ajude sua amiga e que se dirija para a morada. Ou morrerá.....

avatar
Narrador
Moderador
Moderador

Mensagens : 145
Data de inscrição : 14/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Jeremy W. Golbert em Sex Jan 11, 2013 6:29 am

O anjo, mais conhecido como Jeremy, tinha quase que se desviado de sua missão. Estava agora indo em direção a sua queda, ajudar aquele vampiro seria a pior coisa que o anjo poderia fazer. Porém, o próprio não sabia disso.
Mudando seu rumo agora o anjo deixava de seguir o espirito de Samuel, sobrevoava Tulsa, apenas com a corrente de Zarathos enroscada em seu corpo e suas laminas ocultas. O anjo observava os cidadãos, vendo suas festas, e tudo que faziam.
O jovem logo que chega a praça central, observa uma cena que deveria ser comum, mas por algum motivo os vampiros haviam caído de quantidade nos últimos tempos...
Um marcador, estava lá, fazendo seu trabalho. Marcou duas pessoas, um garoto e uma garota, e Jeremy sobrevoava o local apenas observando. O anjo voa dando um rasante na direção do chão, logo que se aproxima, abre suas asas parando bruscamente e encostando seus pés sobre o solo. Olho diretamente os três vampiros no local, vê que o marcador começa a se afastar e então murmura:
- Pode deixar, eu termino por aqui....
Olha para os dois jovens no local, aproxima-se lentamente notando que os calouros recém marcados ficavam cada vez mais cansados, se pronunciando:
- Filhos de Nyx, estou aqui para ajuda-los no que esta por vir. Se precisarem de minha ajuda, irei servir de bom grado. Apenas quero acompanha-los até a morada da noite para que possam chegar na casa de sua mãe com segurança....
Terminava de se pronunciar, observando o local a minha volta, e mais uma vez olhando a marca dos jovens.
avatar
Jeremy W. Golbert
Anjos
Anjos

Mensagens : 31
Data de inscrição : 23/12/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por William Grey Stark em Sex Jan 11, 2013 5:16 pm

William Grey Stark

“And all was black and still, and black and cold, and black and dead, and black.”
Estava saindo da morada para dar um passeio, tinha ouvido que tinham aberto um "indie Club" e ia lá dar uma olhada, talvez aquela cidade estivesse melhorando, ao chegar na entrada na morada vejo uma garota no canto e foi parando de andar, havia conhecido aquela garota algumas semanas atrás, parei em sua frente e comecei a puxar conversa.

-Elektra? - Falei chegando mais perto dela - Tudo bem?

Ela parecia meio desorientada e cansada, talvez fosse algo que tinha acontecido, de qualquer modo ela atraia a atenção, talvez por ser bonita, fiquei esperando sua resposta com as mãos dentro dentro do meu casaco, eu ainda não sabia muito sobre ela, mas tinha interesse em saber mais, eu tirei a mão do meu bolso e comecei a mexer no meu cabelo como eu sempre fazia quando ficava levemente nervoso.




@Arctic Monkeys - Whatever People Say I Am,That's What I'm Not



Última edição por William Grey Stark em Seg Jan 21, 2013 9:12 pm, editado 1 vez(es)
avatar
William Grey Stark
Moderador
Moderador

Mensagens : 36
Data de inscrição : 26/12/2012

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Terceiro-Formado

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Brittany L. Quinzel em Seg Jan 14, 2013 5:54 pm



BORRING, VERY B♥RRING

JUST WALK AWAY

Era difícil permanecer em casa depois que Helen e Joseph, vulgo meus pais, voltavam de um daqueles macabros encontros semanais do Povo da Fé. Eles pareciam ficar ainda mais fanáticos pelo extermínio de vampiros depois disso. Ok, concordo com eles sobre não gostar ou confiar nesses marcados estranhos coloridos, mas chegar ao ponto de querer matá-los? Bom, aí já era demais... A não ser que eles me fizessem algo, nesse caso com certeza ergueria tochas e ancinhos e sairia correndo atrás de vampiros, que nem os camponeses de Drácula (Ou será que foi em Frankenstein? Não importa...).

Estava de manhã, o que era uma boa hora para sair de casa antes de eles começarem uma palestra sem sentido, além do que não haveria vampiros na rua, era o que eu esperava. Vesti um vestido e um salto alto e saí de casa apenas com uma bolsa com dinheiro e meu celular. Meu cabelo loiro estava solto e a pouca brisa que havia empurrava-o para trás enquanto eu caminhava em direção à praça central de Tulsa. Estava entediada e irritada e talvez ficar ali, sozinha, me acalmasse um pouco... Apesar de que não tiraria meu tédio.

Sentei-me no primeiro banco de pedra que vi e reencostei minha cabeça no encosto dele, enquanto meus olhos ficavam voltados para o céu tingindo em azul claro e laranja; indicando que a manhã já começava. Se uma deusa chamada Nyx realmente existia, então porque resolvera pôr-me numa família tão insana desse jeito? Não importa, ela era a deusa dos vampiros, ajudava a esses malditos, nada devia a mim.

Sentada ali pensamentos distantes vinham à minha mente como um bombardeio. Lembranças antigas de quando eu apenas era uma criança boba e brincava de pique com Sarah, minha irmã morta. Lembrei-me de um dia em especial, quando estávamos sentadas de baixo de uma árvore grande naquela mesma praça. Os grandes olhos verdes de Sarah me fitavam com urgência. Ela colocou um dedo em minha boca, pedindo para que eu ficasse quieta enquanto falava.

Preste atenção, Monstrinha. Dissera Sarah dirigindo-se à mim com o apelido que me dera. Seu olhar foi de um canto à outro Omo se procurasse por algo antes dela voltar a me fitar. Eu sonhei com algo estranho. Uma lua crescente banhada em sangue. Acho que talvez alguma coisa importante vá acontecer... Quero que fique preparada, ouviu?

Eu assenti levemente, uma criança ainda que tentava assimilar as palavras sérias de sua irmã. Mal sabia Sarah que ela previra a sua própria morte... Mas, no geral, quem sabia que isso poderia acontecer? Ah! Nyx sabia, e talvez um zilhão de seus sanguessugas smurfs também. Porque não fizeram nada? Nunca soube, e não saberia tão cedo. Hunf!Sentei-me direito e joguei uma mecha de meu cabelo loiro para trás, enquanto pegava meu celular e respondia mensagens atrasadas; era melhor ficar naquele meu mundinho perfeito e fútil do que pensar em coisas já terminadas e ridículas.

NOTES Sou diva, XOXO. 492 WORDS OUTFIT JESS ♥ OOPS!


avatar
Brittany L. Quinzel

Mensagens : 6
Data de inscrição : 14/01/2013

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Leonard Thompson em Ter Jan 15, 2013 12:52 pm



Pensando
usando isso ๑ manhã ๑ praça central ๑ sozinho ๑ conhecendo a cidade ๑


Leonard pilotava sua moto sem problemas, desviava de alguns carros e respeitava algumas normas de trânsito. Sua estadia dessa vez teria de ser melhor, coisas grandes estava para acontecer naquela cidade. Logo o anjo avista uma praça, que por sinal estava um pouco movimentada aquela hora da manhã. Humanos caminhando, fazendo exercícios físicos, passeando com cachorros e crianças de colo. Leo estaciona sua moto na calçada e vai andar um pouco pela praça. Logo o mesmo vai até um banco e fica alí sentado, olhando tudo ao redor. Percebe algumas garotas que caminhvam e o encara e o garoto sorri e acena para elas em resposta. Elas continuam correndo e o anjo se perguntando o que fazer o dia inteiro até que possa falar com a sacerdotisa novamente.


avatar
Leonard Thompson
Anjos
Anjos

Mensagens : 102
Data de inscrição : 22/12/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Katherine LeBeau em Ter Jan 15, 2013 7:12 pm

Live Together
Die Alone...


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
----------------------------------------------------------
-------------------------------------------------------------------


Havia finalmente tomado seu café da tarde no Starbucks, adorava aquele lugar, então nada melhor que um passeio na praça, onde podia andar normalmente sem se preocupar em fingir ser algo que não era, pelo menos não por completo.

Era uma devota aos olhos do povo da fé, alguém que parecia odiar, detestar vampiros. Porém isso era apenas uma mascara que aprendeu a usar para defender aqueles que mereciam, os vampiros que não ofereciam riscos e que o povo da fé teimava em perseguir, afinal não perseguiriam aqueles os quais são mais fortes que eles. AOs olhos do povo da Fé Katie era apenas uma garota que estava buscando vingança, pois seu pai havia sido morto a pouco tempo por um vampiro Azul.

Enquanto caminhava pela praça, avistou ao longe Brittany Quinzel, revirou os olhos, conhecia os pais da jovem..tão fervorosos, ou melhor fanáticos. Porém a boa educação lhe dizia que deveria pelo menos dar um "oi" a jovem lider de torcida


-Olá, Brittany,não é?

Perguntou gentilmente, mas já sabia a resposta da garota que alguns achavam um tanto o quanto "malvada". Permaneceu em pé esperando a confirmação da garota

Encerrado




Legenda

ActionsMeOthers

Thanks Thay Vengeance @ Cupcake Graphics


Última edição por Katherine LeBeau em Qui Jan 24, 2013 3:51 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Katherine LeBeau

Mensagens : 13
Data de inscrição : 11/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Leonard Thompson em Ter Jan 15, 2013 7:37 pm



Tempo...
usando isso ๑ manhã ๑ praça central ๑ sozinho ๑ lugar calmo ๑


2 meses haviam se passado desde que Leonard voltara a Tulsa e o anjo se encantou pela cidade, havia visitado a morada mais algumas vezes, mas devido a chegada inesperada de Elena ao cargo de sacerdotisa, muitas coisas estavam mudando na House of Night. O anjo conheceu novos calouros e a morada estava animada com a chegada do Mabom, e o mesmo não perderia a festa. Mais uma vez naquela manhã o anjo estava na praça. Depois que fora lá a primeira vez o mesmo havia se encantado pelo lugar, a tranquilidade e a paz que alí havia. Sorrindo o jovem andava pelo lugar, avistou ao longe as mesmas jovens de dois meses atrás, elas agora iam lá toda manhã para ver o anjo, e ele silenciosamente as tomou como protegidas, quem sabe assim elas tomariam um pouco mais de juízo. Um pouco de caminhada foi o que o jovem fez com as mesmas, até que depois de alguns minutos correndo o mesmo olhou para o relógio e sorriu para elas.

- O tempo voa, tenho de ir para casa... Até logo.

Leonard correu até sua moto, e então montou na mesma e partiu pra casa, hoje tentaria encontrar Elena Mallaby.

ENCERRADO!


avatar
Leonard Thompson
Anjos
Anjos

Mensagens : 102
Data de inscrição : 22/12/2011

Ficha do Personagem
Vida:
100/100  (100/100)
Barra de Energia:
100/100  (100/100)
Ano: Nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Praça Central

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 11 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 10, 11, 12, 13  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum